sábado, 16 de fevereiro de 2013

UM SOL PARA TI


Se eu pudesse dar
meus olhos (são míopes,
eu descobri há pouco),
seriam seu presente.
Porém, são tão meus
que não posso dá-los.
Resta-me, portanto,
um nascer do sol
para minhas cores
também serem tuas.
     

29 comentários:

  1. Um sol para ti encontrar-se-á no e-book F L O y D, em breve, disponível para download no blog.

    ResponderExcluir
  2. Limerique

    O vate que possuía todas as cores
    Dá-las então não lhe causava dores
    Seus olhos dava não
    Precisava da visão
    Para olhar o sol quando tu fores.

    ResponderExcluir
  3. que mais, senão a natureza, podemos dividir com o outro?
    é mais q satisfatório...

    beijo

    ResponderExcluir
  4. Ilumina o sábado este poema, ainda que não falte sol aqui nos meus rincões. A luz é diferente.
    Abraços,

    ResponderExcluir
  5. Há sempre luz nas tuas palavras, meu amigo!
    Aquele abraço

    ResponderExcluir
  6. depois do seu poema, só quero presente coloridos de sol
    bj, Caju de Fred

    ResponderExcluir
  7. Muito bom poema, amigo Fred. Se quiseres revisitar meu pedaço, verás que depois do Carnaval voltei falando chinês! Será? Meu abraço.

    ResponderExcluir
  8. E o sol nasce sempre neste cantinho, com belos poemas.

    Obrigado Fred pelo vídeo. Adoro Chico Buarque.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Ah, Fred, quem ganhou essa lindeza? :-)

    beijos,

    ResponderExcluir
  10. Oi, Fred, e aí
    Muito obrigado pelo comentário, fico feliz em saber que tem gente ainda indo no meu blog (apesar do abandono dele, rs)
    Abraço!

    ResponderExcluir
  11. A paleta d Sol é breviário de cores em lirismo...
    Abraços!

    ResponderExcluir
  12. E o astro rei sempre é inspirador...
    Bela obra, Caju!
    Grande abraço e sucesso!

    ResponderExcluir
  13. o sol em si...um lindo presente capaz de comover, e conquistar...

    abraços

    ResponderExcluir
  14. compartilhar o que se vê dá as cores
    simples cores, para além dos "nossos" olhos.
    gostei, Fred!
    Jefferson

    ResponderExcluir
  15. Nascer do sol na íris, isso é sugestivo! (rs*)
    Boa semana!!
    Beijus,

    ResponderExcluir
  16. Olá, boa tarde, tem um recado no blog :)

    Bjinhos

    http://chadecalmila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Também sou míope, mas ainda assim meus olhos são dele, se ele quiser. hahahaha
    Bom vir aqui. :)

    ResponderExcluir
  18. E quer presente melhor do que esse de compartilhar a beleza que se vê?

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  19. Sim, Fred. Com certeza, nossos sóis se comunicam através de seus coloridos brilhos. Adorei!

    Bjos

    ResponderExcluir

Salve, salve, camarada!
O Sábados de Caju
escuta o que pensa cada,
podem contar quaisquer fatos;
se a prosa for prolongada:
tem a sessão de Contatos!