sábado, 25 de dezembro de 2010

NÃO HÁ DE SER EM VÃO

O discurso não vence
o canhão, mas convence
quem aperta o botão.
  

42 comentários:

  1. Originalmente publicado em vídeo no blog: Poetas de Marte (24/10/2010).

    Não ha de ser em vão encontra-se no e-book Contradições Coerentes, em breve disponível para download aqui mesmo no blog.

    ResponderExcluir
  2. A palavra é a arma mais poderosa que existe!
    Mandou bem, Fred!

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. flores vencendo o canhão, como disse Vandré


    abraço natalício

    ResponderExcluir
  4. Passei aqui lendo. Vim lhe desejar um Tempo agradável, Harmonioso e com Sabedoria. Nenhuma pessoa indicou-me ou chamou-me aqui. Gostei do que vi e li. Por isso, estou lhe convidando a visitar o meu blog. Muito Simplório por sinal. Mas, dinâmico e autêntico. E se possivel, seguirmos juntos por eles. Estarei lá, muito grato esperando por você. Um abraço e fique com DEUS.

    http://josemariacostaescreveu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. concordo que as pessoas são movidas pelas palavras...

    Beijossssss

    ResponderExcluir
  6. que o discurso atinja os ouvidos de quem atira antes que seus dedos apertem o botão...

    muito bom!

    Feliz VIDA pra você.

    Com carinho,

    Talita
    História da minha alma

    ResponderExcluir
  7. Cada momento, album... Beatles é sempre bom.

    ;)

    ResponderExcluir
  8. Não hão de ser em vão as suas palavras...
    Uma excelente passagem de ano para vc, companheiro de Letras.
    Um abraço forte e até 2011!
    E que venha 2011!!!
    Tudo de bom, Fred!

    ResponderExcluir
  9. suas palavras despertam e acariciam quem tá (aqui) longe...
    desejo que 2011 lhe venha com um abraço forte, pra te encher ainda mais de vida, Fred.

    um beijo.

    ResponderExcluir
  10. Fred,
    Verdade. Na veia.
    Como sempre.
    Agradecendo e desejando
    um 2011 poético pra vc.

    Beijo

    ResponderExcluir
  11. Lindo!Parabéns!
    Obrigada pelo comentário em meu blog, Fred!
    Quero te desejar um lindo 2011, cheio de paz, sucesso e realizações!

    ResponderExcluir
  12. Um 2011 de paz, saúde e muitos afetos Fred!
    Beijinho

    ResponderExcluir
  13. perdoo sua ausencia n. sou rancorosa, má, vingativa e mentirosa. beijinhos.

    ResponderExcluir
  14. Caju,

    Muita saúde, paz, trabalho e imaginação em 2011!! Continue assim: Doce, porém rançoso... Doce em escrever com muita perspicácia... e rançoso por falar a verdade em seus textos, doa a quem doer! Sou tua fã!

    beijos

    ResponderExcluir
  15. Cajú...
    Não sabe o quanto sou/estou feliz em tê- lo nas minhas cartas e a cada vez que tomo minha dose de cajuína.
    Por ser imatura nesse mundo de palavras não sabe o quanto me incentivaram seus comentários aos meus devaneios.
    MUITAS vibrações posivitas pra ti em 2011!
    Grande beijo.
    ;D

    ResponderExcluir
  16. Fred,

    Nada nunca é em vão ...
    :)

    Feliz 2011 !


    BjO Grande.

    ResponderExcluir
  17. Mil abraços de "boas festas", Fred!!! Desejo que o próximo ano seja tbém repleto de poesia e que os nossos caminhos se encontrem por aqui! Beijão!

    ResponderExcluir
  18. Uff!!! Quase não chego aqui!!!
    Nunca será em vão,pensar com o coração e sentir com a mente.Feliz 2011!!!

    ResponderExcluir
  19. deixa te contar uma coisa
    (acho que é por isso que gosto do Leminski)
    Gosto das coisas pequenas que explodem,
    gostei desse pra caralho;
    ei, sério, que lindo isso.

    ResponderExcluir
  20. Bem no alvo!!!!

    Fred,
    Valeu pelos encontros literais e literários que tive nesse espaço cheio de Cajus.
    Toda palavra aqui nunca é em vão.
    Um 2011 muito positivo e que possamos ter mais tempo pra viver a poesia e de poesia!

    Beijinhos e cheiros, querido...

    Adriana.

    ResponderExcluir
  21. Cajuu!! brigadão pelos votos de felix natal atrasados, e aqui tbm estão os meus votos de feliz natal atrasdo e feliz ano novo. bjoo
    Aliás belo texto, tbm adoro estar por aqui.

    ResponderExcluir
  22. Caju, meu poeta,

    Mandou mt!
    O homem é o que destrói, que mata, não é o canhão, nem as balas.
    Te desejo um 2011 de mt paz e que possamos sentir e ver a humanidade, se transformando para uma condição melhor em consciência e atitude, por amor.
    Bjão

    ResponderExcluir
  23. Caju, espero que você tenha tido um ótimo Natal.

    Feliz Ano Novo!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  24. que linda passagem pelo máquina lírica!
    grata.

    um 2011 pleno de possibilidades para nos tornarmos mais humanos!

    beijoca!

    ResponderExcluir
  25. Olá, meu caro poeta!

    Maravilha de poesia... direta, direto na veia! Adorei!

    Aproveito a oportunidade para desejar a vc um 2011 repleto de alegrias, de muito amor e paz no coração, de muita inspiração e realizações mil! :)

    Fico feliz de terminar este ano tendo a sua amizade. :) Grande abraço!

    ResponderExcluir
  26. Adorei!... Múltiplas leituras em tão poucos versos!...


    Beijos =)

    ResponderExcluir
  27. O vídeo é massa.

    ResponderExcluir
  28. Muito obrigada..
    desejo a você também, um 2011 com muitas inspirações..
    =)
    abraço

    ResponderExcluir
  29. Poxa, que massa!É arrebatador quando poucas palavras dizem muito.

    Caju, que 2011 venha cheio de inpiração e poesia pra nos empreguinar a alma feito noda de cajú!

    Grande Abraço, sempre bom vir aqui!

    ResponderExcluir
  30. Para ser entendido, não é necessário muito!
    Queria desejar um ótimo ano novo... Com muita saúde e sucesso para você! :)

    ResponderExcluir
  31. Obrigada pela amizade,
    dedicação e carinho que recebi de você neste ano.
    Não há no Universo palavras que possam
    expressar o que sinto em meu coração.
    Desejo um ANO NOVO
    cheio de AMOR e PROSPERIDADE.
    Que sejamos neste ano e nos
    demais aquela criança acolhida nos braços do PAI.
    E que o ESPÍRITO da PAZ
    sobrevoe nossos lares e pouse em nossos corações.
    Obrigada por VOCÊ existir e fazer parte da minha vida.
    Feliz 2011.
    Beijos no coração.
    Miss Simpatia.

    ResponderExcluir
  32. Caju!
    Também ando sem tempo, tanto para atualizar o blog quanto para "passear" no seu.
    Desejo-lhe também um Feliz Natal atrasado e um ótimo 2011!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  33. salve-se com um aperto de mão
    hahaha feliz 2011 tambéém freed.
    voltarei a postar, beijos! :**

    ResponderExcluir
  34. -Obrigada pelas tuas palavras,
    fiéis a minhas escritas!


    Volte sempre que puder-ficarei muito feliz ;*

    Boas festas Caju. Passe na praia por mim e solte versos para os fragmentos que mergulham no fundo do mar.

    Grande 2011 pra ti!

    ResponderExcluir
  35. Eu adoro este poema! Genial, Caju! ;D

    E só vou te deixar um beijinho porque sei que você baixou a coletânea! Hahaha! =*

    ResponderExcluir

Salve, salve, camarada!
O Sábados de Caju
escuta o que pensa cada,
podem contar quaisquer fatos;
se a prosa for prolongada:
tem a sessão de Contatos!